sexta-feira, 7 de julho de 2017

A Rapariga no Gelo: Robert Bryndza


Livro lido para a Dark-a-thon para o Desafio 1 - Ler um livro cuja a acção seja à volta de um serial killer

A Rapariga no Gelo (Detective Erika Foster, #1)
Título: A Rapariga no Gelo
Autor: Robert Bryndza
Editora: Alma dos Livros
Classificação: 3 Estrelas

Ficha do Goodreads aqui

Este livro chamou-me a atenção, quer pela sinopse, quer pela capa. Um corpo de uma mulher é descoberto debaixo de uma camada de gelo, num parque em Londres e uma ligação a outras três mortes. Thrillers com serial killers exercem em mim, um fascínio especial.

É um livro com umas escrita bastante simples e fluída. A própria história tem ritmo. E estes dois factores fizeram com que "devorasse" páginas atrás de páginas, na ânsia de querer chegar ao fim. E esse é um dos aspectos que me cativam nos thrillers. Manter-me sempre agarrada.
No entanto, em termos de história, essa não me convenceu. Sim, temos um serial killer. Temos a inspectora-chefe encarregada do caso com os seus próprios fantasmas. Mas a verdade, é que achei estes contornos algo recorrentes em thrillers. O próprio assassino foi previsível, e logo na parte inicial desconfiei e não é que acertei?
Também em termos de personagens, não fui capaz de gostar de nenhuma. É certo que a inspectora-chefe Erika Foster ter uma postura enquanto investigadora, que me agradou, forte e decidida em descobrir a verdade. Mas, e não sei explicar bem porquê, mas não me consegui sentir na sua pele.

Julgo que é uma boa aposta para quem se quer iniciar nos thrillers, ou quem queira uma leitura voraz mas sem nos fazer pensar nem arrepiar. De qualquer modo, sendo este o primeiro volume de uma série, estou curiosa para saber a evolução, quer da personagem, quer dos próprios enredos.
Gostei mas não me encheu as medidas.

Nota: Este livro foi-me disponibilizado pela editora, em troca de uma opinião honesta.

7 comentários:

  1. Três estrelas pq? Lol para não perder parceria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo,
      Se fosse frequentador habitual deste blogue saberia que, quando não gosto de um livro, não tenho problema nenhum em atribuir uma classificação baixa.
      E posso-lhe assegurar que já dei 1 e 2 estrelas a livros que recebi de parceria. As minhas opiniões são sempre sinceras, quer sejam livros de parceria, quer sejam livros me que foram oferecidos por amigos ou até livros comprados por mim.
      Por isso, não. As três estrelas não são para, como diz "não perder a parceria". As três estrelas são porque gostei do livro e entreteve-me mas não me surpreendeu.

      Além disso, é tão mais fácil criticar os outros e "tentar meter veneno", quando não se dá a cara e é "Anónimo", não é?

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Olá Tita
    Para mim também é importante que um livro nos faça querer ler mais e mais, ainda por cima sendo um thriller. Mas isso não é tudo. Talvez um dia lhe dê uma oportunidade.
    Beijinhos e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sara,
      É isso mesmo. É importante que sejam livros que nos façam querer saber mais e mais. E a verdade é que este livro me foi mantendo agarrada, sempre na expectativa de que as minhas suspeitas não se confirmassem. Mas acabou por ser previsível.
      Não é um mau livro, não. Simplesmente não me surpreendeu.
      Beijinhos e boas leituras

      Eliminar
  4. Olá Tita,

    Tal como tu este livro chamou-me a atenção. A capa está muito bem conseguida conjugada com um título e uma sinopse que nos mexem com a curiosidade.
    Porém, tal como tu, também já li muitos livros do género, penso que me iria acontecer o mesmo: não me iria encher as medidas.
    Pelo menos foi um bom companheiro de leitura :) e isso já ajuda a superar o facto de não te ter surpreendido.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Silvana,
      Ainda bem que me compreendes =)
      Num thriller, queremos ser absorvidas, que tenha um bom ritmo mas essencialmente que nos surpreenda. E infelizmente, este não me surpreendeu mas entreteve-me bastante.
      Beijinhos

      Eliminar